Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

#MOMENTOS

Momentos são pequenas fracções de tempo em que algo, único e irrepetível, acontece e que o fotógrafo teve a capacidade de captar! Mostram-nos movimento, emoção e contam-nos uma história.

#MOMENTOS

Momentos são pequenas fracções de tempo em que algo, único e irrepetível, acontece e que o fotógrafo teve a capacidade de captar! Mostram-nos movimento, emoção e contam-nos uma história.

21
Fev13

Normandia - Omaha Beach

Armando Isaac

Desembarques da Normandia

Os desembarques da Normandia foram operações de desembarque durante a invasão da Normandia, pelos Aliados, durante a Segunda Guerra Mundial. O desembarque começou na terça-feira, 6 de Junho de 1944 (Dia D), com início às 00h15.

O assalto foi realizado em duas fases: uma de assalto aéreo de 24 mil britânicos, estadunidenses, canadenses e tropas livres de franceses aerotransportados pouco depois da meia noite e um desembarque anfíbio da infantaria aliada e divisões blindadas na costa da França, com início às 6h30 da manhã.

A operação foi a maior invasão anfíbia de todos os tempos, com o desembarque de mais de 160.000 tropas em mais de 5.000 navios, Soldados e material foram transportados a partir do Reino Unido por aviões carregados de tropas e navios, desembarques de assalto, suporte aéreo e fogo naval de apoio. Os desembarques ocorreram ao longo de 80 Km na costa da Normandia dividida em cinco sectores: Utah, Omaha, Gold, Juno e Sword.

 

Omaha Beach

A praia de Omaha, foi a praia de maior resistência alemã e a praia que deu mais trabalho às força Aliadas.

Omaha era coberta por obstáculos espalhados por toda a praia, mandados implantar pelo Marechal Erwin Rommel para que os tanques Aliados, não conseguissem invadir a praia. Tinha também armas antinavais e metralhadoras MG42 para parar o fluxo de soldados invadindo o perímetro. Depois de mais de 4.000 mortos, os Aliados venceram a batalha, invadindo o flanco superior esquerdo da praia pelo cercado de arames e destruindo as casamatas (bunkers) que ali estravam.

 

Fonte : Wikipédia




FOTOS: © Armando Isaac

3 comentários

Comentar post