Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

#MOMENTOS

Momentos são pequenas fracções de tempo em que algo, único e irrepetível, acontece e que o fotógrafo teve a capacidade de captar! Mostram-nos movimento, emoção e contam-nos uma história.

#MOMENTOS

Momentos são pequenas fracções de tempo em que algo, único e irrepetível, acontece e que o fotógrafo teve a capacidade de captar! Mostram-nos movimento, emoção e contam-nos uma história.

30
Abr23

Cais Palafítico da Carrasqueira

Armando Isaac

Cais Palafítico da Carrasqueira Comporta é um local conhecido por ser uma obra-prima arquitetónica e quepromete ser uma excelente escolha para visitar em qualquer estação do ano.

Este cais foi construido entre as décadas de 50 e 60, com estacas de madeira irregular e de frágil aparência. Atualmente tem como objetivo servir de embarcadouro aos barcos de pesca que ali acostam, tendo algumas centenas de metros nos quais é possível passear.

O Cais Palafítico é um dos locais mais visitados no concelho pois permite ver as embarcações de perto e algumas aves da zona do Estuário do Sado, tudo durante o passeio no local. 

Na vila ainda se podem apreciar algumas (poucas) cabanas típicas cobertas de colmo.

Fazer um por do sol no Cais Palafítico da Carrasqueira é algo de paradisíaco e absolutamente deslumbrante!

DSCF0483.jpg

DSCF0484.jpg

DSCF0485.jpg

DSCF0486.jpg

DSCF0489.jpg

DSCF0490.jpg

DSCF0491.jpg

DSCF0492.jpg

DSCF0493.jpg

DSCF0494.jpg

DSCF0496.jpg

DSCF0497.jpg

DSCF0498.jpg

DSCF0499.jpg

DSCF0500.jpg

DSCF0501.jpg

DSCF0503.jpg

DSCF0504 Carrasqueira (1).jpg

Fotos: © 2023 Armando Isaac

 

 

27
Fev16

O Cais

Armando Isaac


Cais palafítico da Carrasqueira

A Carrasqueira é uma pequena e típica povoação piscatória, localizada na margem esquerda do estuário do rio Sado, fazendo parte da freguesia da Comporta, no concelho de Alcácer do Sal. A poente encontra-se a Península de Tróia com as suas extensa praias e a nascente o estuário do Sado, com os seus sapais. O rio Sado é um dos poucos rios da Europa que corre de Norte para Sul. Mas esta região não possui apenas esta particularidade porquanto também o porto palafítico da Carrasqueira constitui um exemplar único, assente sobre estacas de madeira enterradas no lodo, apresentando os cais de forma irregular, constituindo um autentico labirinto que serpenteia desde a margem até ao interior do rio, onde as embarcações de pesca fazem a sua acostagem.
Os cais começaram a ser construídos em meados do século XX estendendo-se por centenas de metros ao longo dos esteiros do estuário do Sado. Sobre as tábuas dos cais erguem-se ainda pequenas arrecadações onde os pescadores guardam os seus apetrechos de pesca.
No início, a Carrasqueira acolhia trabalhadores rurais, pescadores e salineiros que procuravam melhores condições de vida e sobrevivência.
A fim de obviar a que os trabalhadores viessem a adquirir algum direito de posse, os proprietários da Herdade da Comporta a quem pertenciam as terras, não lhes autorizavam a construção de habitações com materiais duradouros. Assim, passaram a erguer grandes cabanas feitas de colmo, muitas das quais ainda hoje subsistem, sendo emblemáticas desta região e também muito apreciadas pelos fotógrafos.
A recolha do sal já não existe, mas os pescadores continuam a fainar e a os estabelecimentos da localidade a servir os visitantes com as iguarias tradicionais de que se destacam o choco frito e o ensopado de enguias.
A Carrasqueira oferece ainda magníficas imagens do estuário do Sado e constitui um elemento tradicional que merece ser realçado.
Para os amantes da fotografia, permito-me sugerir-vos que façam uma visita ao porto palafítico da Carrasqueira, preferencialmente ao pôr do Sol e se possível com a maré cheia! Acreditem que irão captar belas e únicas imagens, pois em cada visita o cenário é sempre diferente.
O Grupo Desportivo do BPI organizou uma Exposição Itinerante de Fotografia, que se realizou de Março de 2014 até Fevereiro de 2016, percorrendo as 10 salas de refeições do BPI por todo o país, bem como no bar do Grupo Desportivo em Lisboa.
As fotos estavam numeradas, com indicação do título, mas sem identificação do autor.
Cada colaborador do Banco poderia votar na foto que fosse mais do seu agrado. No apuramento final a minha foto, intitulada "O Cais", foi eleita a grande vencedora.

Armando Isaac

 

DSC_5602.jpg

 

 

Foto: © Armando Isaac

 

28
Jun15

Escaroupim, rio acima

Armando Isaac

Escaroupim é uma típica aldeia piscatória, formada em meados dos anos 30. Alves Redol chamou “nómadas do rio” a estas famílias que durante os meses de inverno se deslocavam de Vieira de Leiria para o rio Tejo, para as campanhas de pesca de inverno, regressando no verão à sua terra natal, para pescar no mar. Alguns destes pescadores foram ficando pelas margens do Tejo, formando pequenas povoações piscatórias ao longo do rio.

 

DSC_1420.jpg

 

DSC_1421.jpg

 

DSC_1422.jpg

 

DSC_1423.jpg

 

DSC_1425.jpg

 

DSC_1429.jpg

 

DSC_1430.jpg

 

DSC_1434.jpg

DSC_1443.jpg

 

DSC_1449.jpg

 

DSC_1471.jpg

 

DSC_1472.jpg

 

DSC_1479.jpg

 

DSC_1480.jpg

 

DSC_1497.jpg

 

DSC_1515.jpg

DSC_1547.jpg

 

DSC_1550.jpg

 

DSC_1551.jpg

 

DSC_1563.jpg

 

DSC_1591.jpg

 

DSC_1643.jpg

 

DSC_1653.jpg

 

DSC_1654.jpg

 

DSC_1656.jpg

 

Fotos: © 2015 Armando Isaac 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Mensagens

Calendário

Maio 2024

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

Pesquisar

Posts mais comentados

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D