Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

#MOMENTOS

Momentos são pequenas fracções de tempo em que algo, único e irrepetível, acontece e que o fotógrafo teve a capacidade de captar! Mostram-nos movimento, emoção e contam-nos uma história.

#MOMENTOS

Momentos são pequenas fracções de tempo em que algo, único e irrepetível, acontece e que o fotógrafo teve a capacidade de captar! Mostram-nos movimento, emoção e contam-nos uma história.

09
Mar19

Carnaval da Nazaré 2019 - "Menes C'a Ninguém"

Armando Isaac

O Carnaval da Nazaré define-se como sendo único, tradicional e genuíno, sendo preparado e feito “da gente para a gente”. É sem dúvida a maior festa da vila piscatória da Nazaré, que atrai milhares de turistas, bem como habitantes da região.

Desde os trajes tradicionais até às cegadas, o Carnaval da Nazaré é um evento expectado e aguardado ansiosamente pelos Nazarenos, que o vivem de uma forma profunda e apaixonante.

Todos os anos existe um “mote” que define o Carnaval Nazareno. Por norma, é uma expressão típica nazarena e que acaba por marcar o ano carnavalesco. Já os Reis de Carnaval são pessoas da terra, que de uma forma ou outra contribuem ou contribuíram para a festa, sendo o reinado uma homenagem ao “amor ao Carnaval”.

Antes da semana do Carnaval propriamente dita, são feitos vários bailes por algumas colectividades e associações Nazarenas, antecipando a grande festa que se avizinha nessa altura do ano. Os bailes de Máscaras são exemplo disso. Todos os fins-de-semana antes do Carnaval existe um baile, cada um numa sala diferente.

Já quando falta uma semana para o Carnaval propriamente dito, no Sábado (chamado Sábado Magro) é dia da saída de grupos como os “Bicicletas”, “Trotinetas”, “Sakanagem”, “Alberqueras” e “Tenantas”, que desfilam ao longo da vila, anunciando a chegada do Carnaval, num dia sobretudo diferente e especial.

Existem 2 desfiles carnavalescos diurnos na Nazaré, o primeiro no Domingo e o último na Terça-Feira. O desfile de Domingo é caracterizado pelas bandas infernais (grupos organizados onde o objectivo é pura e simplesmente fazer barulho), bem como os carros alegóricos de cada grupo. Há também espaço para as brincadeiras de Carnaval, que também participam no desfile e alegram os visitantes. Já o desfile de Terça-Feira é o com maior assistência, tendo chegado às 100 mil pessoas em 2015.

Para além destes desfiles, existe também o desfile noturno (realizado pela primeira vez em 2015) onde também se destacam os carros alegóricos, bem como todos os integrantes dos grupos que alegram e enchem de luz toda a Nazaré, num espectáculo único.

Pela noite dentro, as salas de baile das coletividades Nazarenas e os bares animam os foliões com as marchas de Carnaval, a música que caracteriza um grupo nesse ano. Todos os anos existem dezenas de marchas, todas elas únicas, criadas e interpretadas também por Nazarenos.

Mónica Piló foi a escolhida para Rainha do Carnaval da Nazaré 2019. É uma grande figura do Carnaval da Nazaré, sendo uma das pessoas responsável por um dos maiores grupos do Carnaval da Nazaré: as Tenantas.

Henrique Maranhão, mais conhecido por “Nanas” foi o escolhido para Rei do Carnaval da Nazaré 2019. Este senhor, uma figura incontornável do Carnaval da Nazaré, conhecido pelo grupo Dois Num, pela construção de carros alegóricos e por muitos anos de dedicação ao Carnaval da Nazaré.

Ambos têm feito muito pelo Carnaval da Nazaré, bem como todos os Reis do Carnaval da Nazaré até agora. 

in: blogcarnavaldanazare

DSCF0613.jpg

 

DSCF0650_01.jpg

 

DSCF0614_01.jpg

 

DSCF0615_02.jpg

 

DSCF0620_01.jpg

 

DSCF0621_01.jpg

 

DSCF0622_01.jpg

 

DSCF0624_01.jpg

 

DSCF0625_01.jpg

 

DSCF0645_01.jpg

DSCF0652_01.jpg

 

DSCF0658_01.jpg

 

DSCF0662_01.jpg

 

DSCF0666_01.jpg

 

DSCF0669_01.jpg

 

DSCF0674_01.jpg

 

DSCF0676_01.jpg

 

DSCF0682_01.jpg

 

DSCF0683_01.jpg

 

DSCF0691_01.jpg

DSCF0692_01.jpg

 

DSCF0698_01.jpg

 

DSCF0699_01.jpg

 

DSCF0705_01.jpg

 

DSCF0706_01.jpg

 

DSCF0711_01.jpg

 

DSCF0713_01.jpg

 

DSCF0716_01.jpg

 

DSCF0718_01.jpg

 

DSCF0720_01.jpg

DSCF0724_01.jpg

 

DSCF0726_01.jpg

 

DSCF0730_01.jpg

 

DSCF0732_01.jpg

 

DSCF0735.jpg

 

DSCF0748.jpg

 

DSCF0755.jpg

 

DSCF0757.jpg

 

DSCF0758.jpg

 

DSCF0761.jpg

DSCF0769.jpg

 

DSCF0770.jpg

 

DSCF0772.jpg

 

DSCF0773.jpg

 

DSCF0775.jpg

 

DSCF0777.jpg

 

DSCF0779.jpg

 

DSCF0783.jpg

 

DSCF0788.jpg

 

DSCF0797.jpg

DSCF0802.jpg

 

DSCF0819.jpg

 

DSCF0823.jpg

 

DSCF0839.jpg

 

DSCF0842_01.jpg

 

DSCF0843_02.jpg

 

DSCF0844_01.jpg

 

DSCF0856.jpg

 

DSCF0868.jpg

 

DSCF0872.jpg

DSCF0888.jpg

 

DSCF0891.jpg

 

DSCF0901.jpg

 

DSCF0911.jpg

 

DSCF0912.jpg

 

DSCF0927.jpg

 

DSCF0933.jpg

 

DSCF0943.jpg

 

DSCF0945.jpg

 

DSCF0962.jpgFotos: © 2019 Armando Isaac 

 

 

 

 

29
Mar17

Julgamento do Entrudo

Armando Isaac

Terminados os festejos do Carnaval da Nazaré, procedeu-se ao julgamento do Entrudo na praça pública.

Para o efeito foi constituido um tribunal plenário, que contou com a presença do padre e do sacristão. Depois de ouvida a argumentação da defesa bem como a da acusação, o tribunal reuniu e condenou o Entrudo a ser imolado pelo fogo.

Para cumprimento da sentença, foi este conduzido numa padiola pela praia até á beira mar. Pese embora o choro das viúvas e os pedidos de clemência do povo,  o algoz na presença dos juizes, do padre e do Sacristão, cumpriu a sentença e lançou fogo ao Entrudo.

Já o Entrudo estava a ser imolado pelo fogo, quando o Sacristão se lembrou que, para o Entrudo não ir descalço, lhe havia emprestado as suas ricas botas, que estavam prestes a serem também consumidas pelo fogo. Lançou-se em corrida desenfreada tendo com esse gesto salvo as suas queridas botas que ainda nem sequer havia estreado.

DSC_2417_01_00001.jpg

 

DSC_2418_01_00002.jpg

 

DSC_2420_03_00003.jpg

 

DSC_2421_01_00004.jpg

 

DSC_2422_01_00005.jpg

 

DSC_2423_01_00006.jpg

 

DSC_2424_01_00007.jpg

 

DSC_2426_01_00008.jpg

 

DSC_2428_01_00009.jpg

 

DSC_2430_01_00011.jpg

 

DSC_2432_01_00012.jpg

 

DSC_2437_01_00013.jpg

 

DSC_2441_01_00014.jpg

 

Fotos: © 2017 Armando Isaac

 

 

28
Mar17

Carnaval da Nazaré - Agarrá Bossa

Armando Isaac

Depois do primeiro post sobre as belezas do Carnaval da Nazaré, este pretende abordar mais propriamente  o desfile.

O Carnaval da Nazaré é sempre subordinado a um tema local, cuja terminologia é dificil de entender para os "pelecos" (gentes de fora).

O tema de 2017 foi "Agarrá Bossa". 

A Bossa, em termos náticos, é um pedaço de corda com um nó na ponta que se encontra á proa do barco para o segurar ou puxar.

Este tema, para além de constar dos cartazes, é mais mais saliente nos temas das canções de vários agrupamentos feitas especificamente para o Carnaval e que a Rádio Nazaré põe no ar durante a época festiva.

DSC_1678_02_01_00001.jpg

 

DSC_1709_01_01_00002.jpg

 

DSC_1725_01_01_00003.jpg

 

DSC_1727_01_01_00004.jpg

 

DSC_1833_01_01_00005.jpg

 

DSC_1837_02_01_00006.jpg

 

DSC_1869_01_01_00007.jpg

 

DSC_1870_01_01_00008.jpg

 

DSC_1905_01_01_00009.jpg

 

DSC_1913_01_00001.jpg

DSC_1954_01_00002.jpg

 

DSC_1962_02_00010.jpg

 

DSC_1966_01_00011.jpg

 

DSC_1969_01_00012.jpg

 

DSC_1979_01_00013.jpg

 

DSC_2006_01_00014.jpg

 

DSC_2017_01_00015.jpg

 

DSC_2023_01_01_00016.jpg

 

DSC_2031_01_01_00017.jpg

 

DSC_2036_01_01_00018.jpg

DSC_2040_01_01_00019.jpg

 

DSC_2043_01_01_00020.jpg

 

DSC_2057_02_01_00021.jpg

 

DSC_2208_01_00022.jpg

 

DSC_2271_01_00023.jpg

 

DSC_2278_01_01_00024.jpg

 

DSC_2289_01_01_00025.jpg

 

DSC_2301_01_01_00026.jpg

 

DSC_2305_01_01_00027.jpg

 

DSC_2307_01_01_00028.jpg

DSC_2310_01_01_00029.jpg

 

DSC_2311_01_01_00030.jpg

 

DSC_2313_01_01_00031.jpg

 

DSC_2318_01_00032.jpg

 

DSC_2325_01_00033.jpg

 

DSC_2326_01_00034.jpg

 

DSC_2327_02_01_00035.jpg

 

DSC_2330_02_01_00036.jpg

 

DSC_2333_01_01_00037.jpg

 

DSC_2335_01_01_00038.jpg

DSC_2336_01_00039.jpg

 

DSC_2346_01_01_00040.jpg

 

 

Fotos: © 2017 Armando Isaac

 

 

 

 

 

 

 

26
Mar17

As Belezas do Carnaval da Nazaré

Armando Isaac

O Carnaval da Nazaré é essencialmente de cariz popular, constituido numa maioria significativa por mulheres. Estas aproveitam o evento para se embelezarem, em vez de se mascararem. Desfilam toda a sua beleza, contagiando toda a gente com a sua alegria, colorido e animação.

DSC_1734_02_00001.jpg

 

DSC_1741_01_00002.jpg

 

DSC_1743_01_00003.jpg

 

DSC_1751_01_00004.jpg

 

DSC_1790_01_00005.jpg

 

DSC_1886_01_00006.jpg

 

DSC_1890_01_00007.jpg

 

DSC_1891_01_00008.jpg

 

DSC_1899_03_00009.jpg

 

DSC_1921_01_00010.jpg

DSC_1925_01_00011.jpg

 

DSC_1926_01_00012.jpg

 

DSC_1929_01_00013.jpg

 

DSC_1931_01_00014.jpg

 

DSC_1932_01_00015.jpg

 

DSC_1940_01_00016.jpg

 

DSC_1943_01_00017.jpg

 

DSC_1944_01_00018.jpg

 

DSC_1948_01_00019.jpg

 

DSC_1950_01_00020.jpg

DSC_1952_01_00021.jpg

 

DSC_1959_01_00022.jpg

 

DSC_1960_02_00023.jpg

 

DSC_1970_01_00024.jpg

 

DSC_1972_01_00025.jpg

 

DSC_1976_01_00026.jpg

 

DSC_1982_01_00027.jpg

 

DSC_1983_01_00028.jpg

 

DSC_1988_01_00029.jpg

 

DSC_1993_01_00030.jpg

DSC_2016_01_00031.jpg

 

DSC_2033_01_00032.jpg

 

DSC_2034_01_00033.jpg

 

DSC_2046_01_00034.jpg

 

DSC_2055_01_00035.jpg

 

DSC_2239_01_00036.jpg

 

DSC_2249_01_00037.jpg

 

DSC_2259_01_00038.jpg

 

DSC_2261_01_00039.jpg

 

DSC_2262_01_00040.jpg

 

Fotos: © 2017 Armando Isaac

 

 

 

 

14
Fev16

Carnaval da Nazaré - 2016

Armando Isaac

“Seca Fates d'Oleade“

O Carnaval ou melhor o nosso Intrud’ como nós apaixonadamente chamamos ao Carnaval, nos proporciona uma enorme onda de prazer, de tal modo, que o nosso estado de espirito excede em muito e naturalmente os limites do imaginável, logo, e por isso, não se torna fácil descrever o gozo e o prazer que nos invade, coração, corpo, mente e alma.
E porque toda esta vivência Carnavalesca nos vai acompanhando desde pequeninos, é do intrud’ que falamos crescendo e é com ele que vivemos muito intensamente, aqui, ali ou além, criando com ele, este indiscutivel elo familiar.
É esta disposição de familiaridade que nos exulta a convidar enliar e dar mãos aos nossos amigos, para que eles sejam também parte integrante d’esta nossa esfuziante e desmedida alegria.
E assim, caminhamos lado a lado com este estado de espírito, como se cada batimento do coração fosse um chamamento para com o fato mais antigo do nosso Intrudo, ensaiar-mos estes dias de magia a que por arte ou mazartes chamamos intrud’.
Para melhor se perceber, sentir e viver este sentimento, é indispensável uma boa integração nas mais diversas alegoarias e estados de espírito, que, como por magia nos transformam n’estes dias de alegria e felicidade, e nos levam ao sabor da nossa causa comum, a festa do Carnaval.

Toni da Graça - Programa do Carnaval de 2016

DSC_7490.jpg

 

DSC_7491.jpg

 

DSC_7493.jpg

 

DSC_7532.jpg

 

DSC_7538.jpg

 

DSC_7550.jpg

 

DSC_7583.jpg

 

DSC_7585.jpg

 

DSC_7587.jpg

 

DSC_7588.jpg

DSC_7591.jpg

 

DSC_7596.jpg

 

DSC_7598.jpg

 

DSC_7608.jpg

 

DSC_7609.jpg

 

DSC_7612.jpg

 

DSC_7622.jpg

 

DSC_7634.jpg

 

DSC_7637.jpg

 

DSC_7641.jpg

DSC_7649.jpg

 

DSC_7661.jpg

 

DSC_7663.jpg

 

DSC_7681.jpg

 

DSC_7693.jpg

 

DSC_7711.jpg

 

DSC_7723.jpg

 

DSC_7733.jpg

 

DSC_7764.jpg

 

DSC_7765.jpg

DSC_7766.jpg

 

DSC_7775.jpg

 

DSC_7820.jpg

 

DSC_7827.jpg

 

DSC_7828.jpg

 

DSC_7856.jpg

 

DSC_7858.jpg

 

DSC_7872.jpg

 

DSC_7876.jpg

 

DSC_7888.jpg

DSC_7896.jpg

 

DSC_7899.jpg

 

DSC_7900.jpg

 

DSC_7907.jpg

 

Fotos: © 2016  Armando Isaac  

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Mensagens

Calendário

Maio 2020

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Pesquisar

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D